PARTICIPE

O que você achou do site do SINEPE/SC?






/ NotÍcias A+   A-

Valdir Cechinel Filho é reeleito reitor da Univali

08/12/2021

O professor Valdir Cechinel Filho foi reeleito reitor da Universidade do Vale do Itajaí (Univali) e presidente da Fundação Univali para o quadriênio de gestão 2022-2026. O processo eleitoral aconteceu terça-feira (7), no Plenário dos Conselhos Superiores do campus Itajaí. 

 
Aberto o período regulamentar de inscrição, o professor Valdir Cechinel Filho foi o único que se candidatou para concorrer aos cargos. Ele obteve 99,34% dos votos válidos dos membros do Colégio Eleitoral. Os eleitores, integrantes do Conselho de Administração Superior (CAS), do Conselho Universitário (CONSUN) e do Conselho Curador (CC), representam todos os segmentos da Fundação e da Universidade, além de entidades externas da sociedade civil e dos municípios onde há campus da Univali.
 
 
“É com muita emoção e gratidão que recebemos essa expressiva votação que simboliza o árduo trabalho de uma equipe abnegada que não mede esforços para tornar a Univali uma universidade cada vez melhor. Agradeço a comissão eleitoral pelo trabalho ético e zeloso com que conduziu este processo e a todos que acreditam no plano de Gestão Conectar & Inovar. Vamos continuar no caminho do diálogo para fazer da Univali uma universidade cada vez mais pujante, com ensino, pesquisa e extensão de qualidade, bem como focados na internacionalização e na inovação. Estamos cientes dos grandes desafios, mas confiantes de que podemos seguir transformando o mundo pela educação. Agradeço imensamente a confiança de todos”, destaca o reitor reeleito, professor Valdir Cechinel Filho.
 
 
Valdir Cechinel Filho é natural de Urussanga, no Sul de Santa Catarina, casado com Lenita Ceccone Cechinel e pai de duas filhas: Camile e Milene. É mestre e doutor em Química Orgânica pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).
 
Foi eleito reitor da Universidade do Vale do Itajaí e presidente da Fundação Univali para o quadriênio 2018-2022. Antes, foi pró-reitor de Pesquisa, Pós-Graduação, Extensão e Cultura da Univali por 12 anos e, a partir de 2014, ocupou o cargo de vice-reitor de Pós-Graduação, Pesquisa, Extensão e Cultura na Instituição. 
 
É também pesquisador 1C do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), coordenador internacional da Rede Iberoamericana de Estudo e Aproveitamento Sustentável da Biodiversidade Regional de Interesse Farmacêutico (Ribiofar) e da Rede Iberoamericana de Investigação em Câncer (Ribecancer), ambas apoiadas pelo CYTED e CNPq, envolvendo 16 países e 40 Grupos de Pesquisa. 
 
Atua como editor associado e assessor científico para inúmeros periódicos especializados e é autor de 60 livros, capítulos de livros e de mais de 400 artigos científicos publicados em periódicos especializados nacionais e internacionais, além de 12 depósitos de patentes nacionais e internacionais. 
 
Participa, ainda, ativamente na formação de recursos humanos com mais de 50 dissertações de mestrado e teses de doutorado orientadas. Sua intensa atuação na ciência e tecnologia permitiu que recebesse da Fapesc, em 2012, o Prêmio Caspar Stemmer de Inovação, na categoria Protagonista de Inovação. 
 
Também foi indicado, em 2013, como finalista do Prêmio Santander/Guia do Estudante, pelo projeto desenvolvido em parceria com a Indústria Farmacêutica Eurofarma e, em 2015, foi indicado como finalista na categoria Ciência e Inovação, com o projeto intitulado "Busca de novos e efetivos agentes anticâncer a partir da biodiversidade brasileira".
 
Além disso, em 2017, recebeu a 1ª Comenda de Mérito do Conselho de Reitores das Universidades Brasileiras (Crub), por sua relevante e destacada contribuição à educação superior brasileira.
 
Prêmios 2021 – Valdir Cechinel Filho está entre os pesquisadores mais influentes do mundo, pelo segundo ano consecutivo, segundo estudo da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos. A pesquisa utiliza as citações da base de dados Scopus e foi publicada no Journal Plos Biology. O levantamento apresenta dois rankings. Um deles analisa o impacto do pesquisador ao longo de sua carreira. O outro, por sua vez, considera os impactos recentes de suas pesquisas. Cechinel é destaque nos dois.
 
Também neste ano, o pesquisador e reitor da Univali figurou na lista dos 10 mil principais pesquisadores da América Latina, no Índice Científico Alper-Doger (AD) na área de Biological activity/ phytochemistry/medicinal chemistry.
 
Venceu também o Prêmio Confap de Ciência, Tecnologia & Inovação – Professor Francisco Romeu Landi, promovido pelo Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap), como Pesquisador Inovador - subcategoria Setor Empresarial.
 
 
Sobre o processo Eleitoral: 
 
O processo eleitoral para a escolha do reitor da Universidade do Vale do Itajaí e presidente da Fundação Univali, com amparo maior na autonomia didático-científica, administrativa e de gestão financeira e patrimonial assegurada às universidades pela Constituição Federal, foi disciplinado pelos estatutos e regimentos gerais da Fundação e da Universidade, bem como pelo Edital e o Regulamento Geral da Eleição. 
 
O processo eleitoral é representativo, estando aptos a votar os membros do Colégio Eleitoral, composto pelos conselheiros integrantes do Conselho de Administração Superior (CAS), do Conselho Universitário (CONSUN) e do Conselho Curador (CC). As regras procedimentais da eleição são elaboradas a cada quadriênio por uma Comissão Eleitoral especialmente designada em reunião do CAS e do CONSUN que, com antecedência mínima de 60 dias do término do mandato do reitor e presidente da Fundação Univali, organiza, coordena e apura o processo eleitoral até seu término. De acordo com os estatutos e regimentos, o procurador geral da Fundação Univali preside a Comissão Eleitoral. 
 
“A Comissão Eleitoral para o quadriênio de gestão 2022-2026, escolhida e designada por decisão unânime do CAS e do CONSUN, foi composta por cinco membros dos referidos Conselhos que representaram diferentes segmentos da comunidade interna e externa. Cabe à referida Comissão a elaboração da proposta do Edital e do Regulamento Geral da Eleição, estes também aprovados em reunião deliberativa conjunta pelo CAS e pelo CONSUN, e que disciplinaram o processo eleitoral para a escolha do reitor da Universidade do Vale do Itajaí e do presidente da Fundação Univali”, explica o procurador geral da Fundação Univali, professor Rodrigo de Carvalho. 
 
Conforme o Edital e o Regulamento Geral da Eleição, o prazo para a inscrição dos candidatos compreendeu o período de 25 de novembro a 1º de dezembro de 2021. Qualquer colaborador técnico-administrativo ou docente poderia se candidatar no processo eleitoral para concorrer aos cargos de reitor da Universidade e presidente da Fundação, desde que preenchesse os seguintes requisitos: a) ter, no mínimo, dez anos de vínculo de trabalho com a Fundação Univali; b) possuir título de doutor reconhecido pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) ou diploma estrangeiro validado por instituição de ensino superior brasileira; c) estar inscrito no plano de previdência complementar da Fundação Univali pelo mesmo prazo mínimo de dez anos; d) não ter nenhuma condenação criminal transitada em julgado; e) estar no regular gozo de seus direitos civis e políticos. 
 
Para o quadriênio de gestão 2022-2026, a inscrição única do professor Valdir Cechinel Filho ocorreu dentro do prazo regulamentar, de modo que, nos termos dos estatutos e regimentos da Fundação e da Universidade, bem como do Regulamento Geral da Eleição, os documentos apresentados pelo candidato foram analisados pela Comissão Eleitoral, que, por deliberação unânime de seus membros, homologou a candidatura. A apuração da eleição aconteceu em sessão pública após o término da votação na sala anexa ao local de votação, no Plenário dos Conselhos Superiores.

Bookmark and Share imprimir
ACESSE


NEWSLETTER

Receba todas as novidades do SINEPE/SC via e-mail